Carregando..
guia de fornecedores
ou

Editorial :: Carnaval em Veneza

Editorial
Editorial :: Carnaval em Veneza

O Carnaval de Veneza é muito mais antigo do que se pensa. A festa foi instituída em 1094 – mesmo ano da consagração da Basílica de São Marcos – pelo doge Vitale Falier.

Proveniente de uma das famílias mais potentes da cidade, Falier propôs que antes do início da quaresma, a população tivesse direito a usufruir de um período de jogos, brincadeiras e diversão pública. Não era uma novidade. Os romanos no passado já realizam este tipo de festa, nos chamados dias Saturnali, quando festejavam o deus Saturno, com banquetes, sacrifícios e subversão dos papéis: os escravos tomavam o lugar dos patrões por um período.

Mas foi em 1296, que o Senado veneziano formalizou o carnaval com um decreto que declarava que o último dia antes da quaresma fosse festa. A população, porém, já começava a comemorar o carnaval meses antes, em dezembro. A oficialização do evento trouxe consigo uma série de usos, costumes, além de caracterizá-lo como um verdadeiro business. Nesta época já existiam, por exemplo, as escolas ou confrarias dos mascareri, ou seja, os artesãos que produziam as máscaras e fantasias para os foliões.

A partir dessa história, Lázaro Lambertucci concebeu esse lindo editorial que mostra que nem todo carnaval tem seu fim.

Confira os cliques de Sidney Campelo:

fornecedores

Fornecedores parceiros
Créditos:
make e concepção Lázaro Lambertucci
assistência beleza Wanderson Frota
foto Sidney Campelo
vestido Zephora Alta Costura
brincos Tetê Rezende Unique
modelo Mariana Gois
locação Villa Maria Camardelli

voltar ao topo